Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Fale conosco via Whatsapp: +55 15 997402138
No comando: Tropical Sertanejo

Das 06:00 às 08:00

No comando: Jornal da Nova Tropical

Das 07:00 às 10:00

No comando: Tropical News

Das 10:00 às 12:00

No comando: Agenda Tropical

Das 14:00 às 16:00

No comando: Tarde Tropical

Das 14:00 às 17:00

No comando: Resenha Tropical

Das 20:00 às 22:00

Menu

Apresentações de “Os Manduca no Buzuca” começam na sexta

O contador de histórias Zé Bocca, acompanhado do músico Maurício Toco, iniciam uma nova temporada da dupla Os Manduca de Fiúza chamada: “Os Manduca no Buzuca”. Com apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), por meio do Fundo Municipal de Cultura (FMC), o projeto consiste em circular por 16 bairros diferentes da cidade de Votorantim levando contação de histórias e músicas para adultos e crianças.

 

Os espetáculos ocorrerão entre 17 de janeiro e 1º de fevereiro de 2020, sempre começando às 19h. A primeira apresentação será na avenida Pedro Augusto Rangel, em frente a Associação Amigos de Bairro da Vila Nova Votorantim.

 

Aprovado no 1º Edital do Fundo Municipal de Cultura/2018, o projeto “Os Manduca no Buzuca” têm como ação principal a contação de histórias feita pela dupla Manducas de Fiúza (formada por Zé Bocca e Maurício Toco), circulando pelos bairros dentro do Ônibus Multicultural, equipamento da Prefeitura de Votorantim.

 

Zé Bocca, contador de histórias, produtor cultural, e proponente do projeto, destaca a importância do edital para a população votorantinense: “Há tempos, Votorantim, se destaca no cenário regional e até nacional, no que diz respeito a políticas culturais. Com muito esforço a comunidade artística e cultural da cidade, em parceria com o poder público, construímos ações e diretrizes como: o Conselho Municipal de Políticas Culturais, que gerência o Fundo Municipal de Cultura, financiador de projetos de caráter estritamente culturais. O Edital do Fundo tem uma importância fundamental para a população da cidade, pois ao mesmo tempo que financia projetos realizados pela comunidade local (cultural e artísticas), proporciona a oportunidade, da população em geral, de entretenimento, com apresentações, e formação, por meio de cursos e oficinas”.

 

Desde 2010 os Manducas de Fiúza estão na estrada levando causos para o Brasil todo, percorrendo Minas Gerais, Ceará, Paraíba e muitas cidades do interior paulista. Entre 2017 e 2019 tiveram a agenda cheia: estiveram no Crato/CE e em Souza/PB, participaram do projeto “Os Manduca em prosa e Verso”, atuando em diversas escolas em Sorocaba (contando com a luxuosa participação do músico Caio Alquati na sanfona) e apresentaram-se em diversos espetáculos no SESC/Sorocaba, Sesc/Bertioga e no Sesi/Sorocaba.

 

No projeto Os Manduca no Buzuca, os espetáculos adultos seguirão a contação de causos e músicas caipiras, sendo que os infantis contemplarão histórias do mundo todo: “serão oito espetáculos adultos e oito infantis, variando na temática: para os adultos, a temática será da cultura regional; para o público infantil, histórias da tradição oral do mundo todo, como a história do Bicho Mais Poderoso do Mundo, reconto africano, que está no primeiro livro do meu compadre Zé Bocca”, finaliza Maurício Toco.

Deixe seu comentário: