Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Ex-prefeito de Votorantim falta novamente à reunião da CEI dos Remédios Vencidos - Nova Tropical Fm

Fale conosco via Whatsapp: ++55 15 997402138

No comando: Tropical Light

Das 00:00 às 05:00

No comando: Tropical Sertanejo

Das 06:00 às 08:00

No comando: Jornal da Nova Tropical

Das 08:00 às 10:00

No comando: Canta Brasil

Das 10:00 às 12:00

No comando: Tropical News

Das 10:00 às 12:00

No comando: Programa Velharia

Das 12:00 às 13:00

No comando: Tarde Tropical

Das 15:00 às 17:00

No comando: Flash Hits

Das 19:00 às 21:00

No comando: A voz do Brasil

Das 21:00 às 22:00

No comando: Palco Brasil

Das 22:00 às 23:59

Ex-prefeito de Votorantim falta novamente à reunião da CEI dos Remédios Vencidos

Apesar de ter sido convocado pela segunda vez, o ex-prefeito de Votorantim, Fernando de Oliveira Souza, não atendeu à convocação da Comissão Especial de Inquérito (CEI) que apura o encontro de remédios vencidos na Farmácia do Ambulatório de Saúde Mental. Ele devia ter comparecido à reunião da última sexta-feira, dia 4, na Câmara Municipal.

Fernando também não deu satisfação. Com isso, os membros da CEI pediram para que a ausência fosse registrada em ata e vão estudar o que fazer a respeito da atitude do ex-prefeito.

Por outro lado, o ex-secretário de Saúde, Junior Silveira, esteve presente na reunião e respondeu a todas as questões formuladas pelos vereadores Cirineu Barbosa (PMN), Ita (Cidadania), Pastor Lilo (DEM) e Thiago Schiming (PSDB). “Esta apuração é importante, pois precisamos dar uma satisfação à população e ao Ministério Público”, afirma Ita, o presidente da CEI.

Sobre a aquisição de medicamentos enquanto secretário, Junior destacou que todas as compras foram feitas baseadas em critérios técnicos e observando o prazo de até dois anos de vencimento de cada item. Também garantiu que, na sua gestão, nunca houve pedido particular para a compra de qualquer produto. “Tenho orgulho em dizer que deixei a Pasta sem nenhum processo e agradeço a oportunidade de poder esclarecer todos esses fatos”, declara.

Já sobre os R$ 14 milhões em emendas parlamentares que Votorantim recebeu entre 2019 a 2021 para serem destinadas à área de saúde, principalmente ao combate e prevenção à Covid-19, Junior Silveira acredita que os recursos foram empregados em insumos e no pagamento dos profissionais que estavam na linha de frente do controle à pandemia. “Tenho tranquilidade em responder as perguntas da CEI, pois tudo o que fiz foi baseado em critérios técnicos”, reforça.

Nesta sexta-feira (11), os membros da CEI pretendem visitar o local onde estão acondicionados, atualmente, os medicamentos vencidos. Ita espera encerrar os trabalhos nesta data e, em seguida, dar uma satisfação à população e ao Ministério Público.

Além de Ita, Cirineu Barbosa, Pastor Lilo e Thiago Schiming, também integram a CEI os vereadores Gaguinho (PTB) e Rogério Lima (PP).

Deixe seu comentário: